Terapia Fotográfica e Fotografia Terapêutica

Ok. Vou explicar pra você os motivos que me fazem levar a fotografia tão a sério, embora eu não tenha a menor intenção de fazer dela um trabalho.

Às vezes são necessários anos até que você entenda uma mania, uma paixão ou uma atividade que pratica rotineiramente. Finalmente, eu entendi e vou te contar.

Se um dia você me encontrar concentrada, sentada no chão, fotografando um mato minúsculo, já sabe… É terapia.

Falo de Fotografia Terapêutica, não de Terapia Fotográfica, que são conceitos distintos.

A Terapia Fotográfica é aquela feita por um profissional, que utiliza fotografias para estimular o tratamento de alguma pessoa. Pode ser um artista, pode ser com fotos do próprio paciente, mas o importante é que a foto seja um instrumento da terapia.

A Fotografia Terapêutica é diferente. Não é necessário um profissional que oriente o paciente. O próprio interessado utiliza a fotografia para seu autoconhecimento, reflexão e bem estar. Aí é que eu me encaixo!

Quem me conhece sabe que eu não gosto de fazer terapia convencional. Já fui dispensada da terapia uma vez, simplesmente porque eu não me encaixava naquilo. Mas é fato, que todo mundo tem uma válvula de escape e a minha é a fotografia.

É com ela que eu tenho liberdade pra pensar qualquer coisa, raciocino melhor e relaxo. É por isso que levo a prática tão a sério e não pretendo ganhar dinheiro com fotografia. Aqui não tem pedido de orçamento, não tem fotografia por obrigação nem pra agradar a quem quer que seja.

Aqui tem projeto fotográfico pessoal, trabalho voluntário e diversão. Eu fotografo pra mim e recomendo que você faça alguma coisa que te agrade com este único propósito: Agradar a você mesmo.

Saiba mais sobre terapia fotográfica e fotografia terapêutica, no site http://phototherapy-centre.com/. Recomendo, também, o e-book Therapeutic Photography: An Introspective Approach with Megan Dill.

(Eu, por Aryanne Audrey, em plena terapia)

10478735_188642744639419_152359258498812532_o

Compartilhe:FacebookTwitterPinterest

Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado. Campos obrigatórios são marcados *

*

*